terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Cai o técnico do Serra Talhada


Mais um  (Ricardo Fernandes/DP/D.A Press)
O treinador Reginaldo Sousa não é mais o treinador do Serra Talhada. Segundo ele, a saída não foi motivada pelas três derrotas consecutivas do time no Pernambucano 2012, mas, sim, por divergências com a diretoria, em relação a contratações. O presidente do clube, José Raimundo, desmente.
"As nossas duas primeiras partidas foram boas, mas, na terceira, fiquei sem dois titulares e os reservas não corresponderam. Na quarta, foram três desfalques. Pedi reforços e a diretoria não quis me dar. Assim, é complicado. Então, fizemos um acordo e eu saí", desabafou Sousa.
Segundo o presidente do Serra, José Raimundo, a saída do treinador deveu-se à sequência de reveses. "Temos muito respeito por ele, é um cara bastante dedicado, mas os resultados não estavam vindo", afirmou.
Sousa é o segundo técnico a cair no estadual. O primeiro foi Givanildo Sales, do Belo Jardim, no intervalo entre a quarta e a quinta rodadas.
O Belo Jardim é, justamente, o adversário do Serra Talhada desta quarta-feira. O Cangaceiro (que, no início da competição, chegou a ser chamado de Laranja Mecânica) deverá ser comandado pelo diretor de futebol, Naílson Gomes. A expectativa é que o novo técnico seja anunciado até quinta-feira.

SuperEsportes.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário