domingo, 4 de março de 2012

Patativa e Gavião ficam no 0 a 0 no Lacerdão

Porto e Central ficaram em um empate sem gols neste domingo, no Lacerdão. Resultado ruim para as duas equipes, cada vez mais distantes do G4. Seguem no pelotão que luta contra o rebaixamento. Ao Gavião, o alento de ter saído da zona de degola com o resultado, empurrando o Araripina para o 11º lugar. 

O Central começou partindo pra cima do Porto, que abusou das faltas. Na Patativa, Lenilson era o principal articulador de jogadas, inclusive na bola parada. Após os primeiros minutos de pressão alvinegra, o Gavião igualou as ações, com uma marcação forte. O jogo seguiu sem grandes oportunidades no primeiro tempo, aumentando a impaciência da torcida do Central, que vaiou o time no intervalo. 

Logo no começo do segundo tempo, o lateral esquerdo Jean Batista deixou o campo chorando bastante, se queixando de uma lesão. Foi substituído por Artur, que veio do futebol mineiro e fez a sua estreia. A partida seguia equilibrada. Assim como ocorreu na quarta-feira, o técnico Júnior Caruaru acionou o atacante uruguaio Acosta, cujo nome vinha sendo pedido pela torcida. Aceso na partida, o Porto ainda acertou a trave. Aos 37, o goleiro do Central, Rodrigo, foi expulso ao "matar"a jogada na meia-lua. Como o time já tinha feito as três mudanças e o atacante Valdson foi para o gol.

Nenhum comentário:

Postar um comentário