terça-feira, 7 de abril de 2015

Elenco do Inter usa cone em rachão para 'homenagear' Fabrício

Lateral afastado após surto foi representado por cone (foto) em recreativo nesta terça-feira
Elenco do Inter usa cone em rachão para 'homenagear' Fabrício
Fabrício está afastado por tempo indeterminado, mas participou do rachão do Internacional nesta terça-feira (07). Na verdade, o lateral esquerdo foi representado por um cone, em uma espécie de homenagem do restante do elenco principal do Colorado. D'Alessandro, líder do grupo, chegou a pedir publicamente para que o camisa seis fosse mantido no clube, contudo a direção foi taxativa.
A ideia foi executada por Jorge Henrique. Dida estava de fora da atividade e pediu para entrar na equipe de colete. Ouviu: "Pega o colete do Fabrício", seguido de um sinal em direção ao cone – colocado estrategicamente no canto esquerdo do campo reduzido no CT do Parque Gigante. O goleiro tomou o pedaço de pano e rapidamente o representante do lateral foi novamente fardado.
O ato não foi por acaso. Fabrício tinha boa relação no vestiário e era o capitão do time amarelo nos recreativos há tempos. D'Alessandro e Alex chegaram a pedir para que o lateral fosse perdoado e reintegrado, mas a direção definiu como inviável o retorno do jogador ao clube. Além do gesto obsceno, ele jogou a camisa do Inter no chão e causou revolta entre os torcedores.
Em uma jogada de ataque, na segunda parte do recreativo, foi possível confirmar a brincadeira. Em uma bola cruzada da direita, ninguém chegou a tempo e se ouviu o grito: "Vai, Fabrício! Vai na bola". Dida, do lado do cone, chegou a abrir os braços emulando uma reclamação e reforçando o clima descontraído.
Personagem de um surto após ouvir vaias no segundo tempo do jogo com o Ypiranga-RS, no Beira-Rio, Fabrício foi primeiro suspenso e depois afastado do elenco. Sequer voltou a Porto Alegre e aguarda, em São Paulo, uma negociação. De acordo com o Inter, seis clubes já mostraram interesse no atleta e uma saída por empréstimo é o desfecho mais provável.

Nenhum comentário:

Postar um comentário