segunda-feira, 25 de maio de 2015

Jogador da Série B argentina passa mal e morre a caminho do hospital

Médico tenta reanimar Cristian Gómez Atlético Paraná x Boca Unidos Campeonato Argentino (Foto: Reprodução de vídeo)
Jogador da Série B argentina passa mal e morre a caminho do hospital
O futebol argentino sofreu mais um duro golpe neste domingo. O zagueiro Cristian Gómez, de 27 anos, do Atlético Paraná, passou mal sozinho, caiu no gramado aos 31 minutos da partida contra o Boca Unidos, pela Série B, foi levado para o Hospital Escuela, em Corrientes, mas não resistiu e acabou morrendo no caminho.
- Chegou sem vida... Os médicos nos disseram que não puderam reanimá-lo. É algo inesperado. Não dá para acreditar. O jogador começou a tropeçar, caiu para trás e se descompensou. Ninguém entendeu nada, porque ele nunca teve algo parecido - disse Ramón Gómez, delegado da AFA na partida, ao jornal "Olé".
Médico tenta reanimar Cristian Gómez Atlético Paraná x Boca Unidos Campeonato Argentino (Foto: Reprodução de vídeo)À noite, a  Associação de Futebol Argentina (AFA) adiou Tigre x River Plate, confronto da primeira divisão que fecharia o fim de semana da elite, além de Sportivo Belgrano x Ferro e Unión de Mar del Plata x Central Córdoba de Santiago del Estero, ambos da segundona.
É a segunda morte de jogador de futebol no mês na Argentina. Em 14 de maio, Emanuel Ortega, de 21 anos, do San Martín de Burzaco, da quinta divisão, morreu no hospital 11 dias depois de sofrer traumatismo craniano ao bater a cabeça num muro à beira do gramado do estádio Francisco Boga durante a partida contra o Juventud Unida. A tragédia fez a Associação de Futebol Argentina (AFA) suspender a disputa em gramados do país.
- Ele apresentou um quadro de síncope, como morte súbita, mas não o reanimaram - disse o doutor Darré, médico do Boca Unidos, ao jornal "Olé".
Ambulância Cristian Gómez Atlético Paraná x Boca Unidos Campeonato Argentino (Foto: Reprodução de vídeo)

Depois que Cristian Gómez foi levado de ambulância, os jogadores ainda ficaram um tempo no gramado, mas, de comum acordo com o árbitro, resolveram suspender a partida, com o placar em 1 a 0 para o Boca Unidos. Em seguida, os dois times foram ao hospital para onde o colega foi levado.
A AFA divulgou comunicado oficial lamentando mais episódio trágico no futebol argentino.
- Em outro domingo triste, a Associação de Futebol Argentino manifesta sua profunda dor pelo falecimento do jogador Cristian Gómez, por ocasião da partida entre Boca Unidos e Atlético Paraná, equipe em que atuava. Esta associação se põe à disposição de seus familiares e amigos - diz o comunicado oficial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário