sexta-feira, 22 de maio de 2015

Morre Zé do Rádio, o torcedor mais chato do mundo

Morre Zé do Rádio, o torcedor mais chato do mundo

O Sport perdeu um dos seus torcedores mais ilustres. Conhecido o “mais chato do mundo”, Ivaldo Firmino dos Santos, mais conhecido como Zé do Rádio, faleceu na manhã desta quinta-feira (21), aos 71 anos. Ele deu entrada no Hospital Português ainda nesta madrugada, por conta de uma parada cardiorrespiratória e foi reanimado. Em seguida, sofreu outra parada e às 10h30 teve o óbito constatado.
Familiares, amigos e admiradores usaram as redes sócias para expressar a tristeza pela morte do folclórico torcedor. A diretoria do Leão ainda não se pronunciou oficialmente, mas a expectativa é que aconteça alguma homenagem antes da partida deste domingo, contra o Coritiba, na Ilha do Retiro.
Acompanhado do seu rádio grande, Zé foi figura conhecida por muito tempo nas sociais do Sport e virou até boneco gigante em Olinda. O próprio fazia questão de dizer que era um “chato”, pois se posicionava atrás do banco de reservas do time adversário e não deixava os treinadores em paz até o final do jogo.
Em 2002, submeteu-se a um transplante de coração. Na ocasião, o doador era um torcedor do Náutico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário