quarta-feira, 20 de maio de 2015

Receitas do futebol: compare quanto 150 clubes de 15 países faturaram em 2014

Infográfico: as 150 receitas do futebol
Receitas do futebol: compare quanto 150 clubes de 15 países faturaram em 2014

Que Real Madrid, Barcelona, Bayern de Munique e Manchester United ganham muito mais dinheiro que Flamengo e Corinthians, todo torcedor sabe ou, pelo menos, imagina. Mas a discrepância é maior do que a imaginação sugere. Em relatório produzido pelo blog com as receitas de 150 clubes de 15 países diferentes, o Flamengo, melhor exemplo brasileiro de gestão na atualidade e responsável pelo maior faturamento do país, é só o 40º colocado. Não só fatura um quinto do que faturam os primeiros lugares do ranking, está atrás de clubes que brasileiro nenhum dá valor: Cardiff City, Hull City, Crystal Palace.

Corinthians, segundo brasileiro melhor colocado, aparece na 47ª posição, com menos receita do que Athletic Bilbao, Lille e Sevilla. O São Paulo, em 49º, está atrás do Bordeaux. Cruzeiro e Palmeiras, em 52º e 54º, estão no mesmo patamar do suíço Basel. Mais para baixo, o Grêmio está colado no Saint-Etienne, o Botafogo, no Wolverhampton, e o Vasco, na Cagliari. São números que colocam à prova a noção coletiva de que há 12 “grandes” clubes no Brasil. A realidade é que muitos dos maiores brasileiros teriam sérias dificuldades financeiras para ficar na Premier League, a primeira divisão inglesa, se nela jogassem.

Baixe o relatório Receitas do Futebol e compare faturamentos, gastos com salários, lucros e prejuízos de 150 times. Finanças dos 20 principais brasileiros foram detalhadas nos últimos cinco anos. São números que explicam por que certos clubes sempre disputam títulos e por que outros não vencem nunca.


Relatório: as 150 receitas do futebol

Nenhum comentário:

Postar um comentário