sexta-feira, 22 de maio de 2015

Verdão consegue efeito suspensivo, mas Dudu só poderá jogar em junho

Dudu Palmeiras (Foto: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação)
Verdão consegue efeito suspensivo, mas Dudu só poderá jogar em junho
A diretoria do Palmeiras conseguiu na tarde desta sexta-feira um efeito suspensivo para que Dudu possa seguir atuando enquanto o recurso não é julgado - ele foi suspenso por seis meses por agressão ao árbitro Guilherme Ceretta de Lima, na final do Paulistão. No entanto, a suspensão da pena só vale a partir do dia 3 de junho. Por isso, o atacante não poderá ser escalado contra Goiás, domingo, pelo Brasileirão,  Asa de Arapiraca, quarta que vem, pela Copa do Brasil, e Corinthians, dia 31, novamente pelo campeonato nacional.
De acordo com o Código Brasileiro de Justiça Desportiva, quando uma pena excede dois jogos ou 15 dias, o atleta cumpre esses 15 dias de suspensão para depois poder se beneficiar do efeito suspensivo. Por isso, Dudu só estará livre a partir do dia 3. 
Na última quinta-feira, o treinador formou o setor ofensivo alviverde com Alan Patrick na vaga de Dudu. Na manhã desta sexta, porém, ele afirmou que ainda não projetava uma formação sem o atacante por confiar na possibilidade de escalá-lo diante da equipe goiana. Seus planos foram frustrados.

Dudu agora aguarda o julgamento do pedido de recurso feito pela diretoria palmeirense. A intenção dos advogados do Verdão é desqualificar a denúncia de "agressão" para "ato hostil".

Denunciado por agressão ao árbitro Guilherme Ceretta de Lima, o palmeirense recebeu a pena mínima na última segunda-feira, mas por se tratar de uma punição em dias ele seria obrigado a cumprir já no Brasileirão. Caso fosse julgado por ato hostil e punido em jogos, tal suspensão seria válida somente nas primeiras rodadas do Campeonato Paulista do ano que vem.

Ainda não há uma data prevista para o Pleno do Tribunal de Justiça Desportiva da Federação Paulista de Futebol analisar o recurso pedido pelos palmeirenses. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário