quarta-feira, 3 de junho de 2015

Pego no exame antidoping, André Santos é suspenso por 30 dias

André Santos, meia do Botafogo-SP (Foto: Rogério Moroti/Ag. Botafogo)
Pego no exame antidoping, André Santos é suspenso por 30 dias
O lateral-esquerdo André Santos, com passagens por Corinthians, Flamengo, Arsenal, Fenerbahce e seleção brasileira, foi suspenso preventivamente pelo Tribunal de Justiça Desportiva após exame antidoping realizado no dia 11 de fevereiro deste ano, na partida entre seu clube, o Botafogo-SP, e São Bento, pelo Campeonato Paulista.
Na urina do jogador foi encontrada a substância hidroclorotiazida, considerada proibida. No dia 13 de maio foi feita uma contraprova a pedido do clube e do atleta, e o resultado também deu positivo.
De acordo com o médico do Pantera, Alexandre Vega, o medicamento, um diurético, não foi receitado pelo clube.
 - Não se trata de uma substância que potencializa ou melhora o rendimento do atleta, mas é proibida pela comissão antidoping. Ela pode ser usada, por exemplo, para inibir outras substâncias. Por isso é proibida - disse o médico à Rádio 79. 
O Botafogo, através de sua assessoria de comunicação, informou que não irá se manifestar sobre o caso André Santos. O clube vai esperar um posicionamento do atleta para se pronunciar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário