terça-feira, 25 de agosto de 2015

Dirigente invade campo e manda recado para árbitro: “Vou mandar matar vocês na estrada”

O árbitro Wanderson Alves de Sousa, de Minas Gerais, fez uma séria denúncia em sua súmula do confronto entre Lajeadense-RS e Volta Redonda-RJ, realizado no último domingo, em Lajeado, pela Série D do Campeonato Brasileiro.
O juiz relatou que ele e os auxiliares foram ameaçados de morte por um dirigente do clube gaúcho após o apito final.
De acordo com o que escreveu Wanderson, depois da partida um senhor identificado como Jorge Baldo, dirigente do Lajeadense, invadiu o gramado. Irritado com a atuação do árbitro, apesar da vitória de sua equipe por 2 a 1, ele teria proferido xingamentos e uma grave ameaça.
Vocês são uns filhos da p…, corruptos, desgraçados. Eu vou mandar matar vocês na estrada essa noite. Quero ver vocês saírem daqui“, teria dito Jorge Baldo de acordo com a súmula. A irritação teria sido fruto da expulsão de dois jogadores do Lajeadense.
Wanderson relatou ainda que o dirigente precisou ser contido pelos próprios jogadores do Lajeadense. Apesar da irritação do cartola, o clube gaúcho venceu o duelo e subiu para a liderança do Grupo 8 da Série D, com 13 pontos.
(FutebolInterior)

Nenhum comentário:

Postar um comentário